“Seremos a equipa que estará sempre à espreita” – Pedro Emanuel

“Jogo dificílimo, num ambiente adverso”, assim se prevê que seja a estreia estorilista na Liga NOS, diante do FC Porto, com um Dragão na lotação máxima. Na conferência de imprensa de antevisão o treinador Pedro Emanuel assumiu as dificuldades mas recusa falar em “equipas de outro campeonato”.

“Em muitos momentos não seremos os controladores do jogo mas sim a equipa que estará sempre à espreita para poder fazer a diferença nos momentos que tiver a bola”, começou por dizer o treinador, ele que quer uma equipa “coesa, solidária” e que consiga “manter a clarividência” nos momentos em que tiver bola.

A equipa estorilista tem os objetivos para a temporada 2017/2018 bem definidos e para tal pontuar é máxima para qualquer partida e adversário. “Temos o objetivo de acabar na primeira metade da tabela classificativa e isso implica querer pontos em todos os jogos. Isso está claro nos nossos discursos e ainda mais nas nossas cabeças”, acrescentou ainda.

Recorde-se que Hugo Miguel, da Associação de Futebol de Lisboa, foi o árbitro nomeado para o jogo. Será auxiliado por Ricardo Santos e Bruno Jesus, sendo que Rui Oliveira assumirá as funções de quarto árbitro. Luís Ferreira estará ao leme do vídeo-árbitro.

Leave a Reply